05/02/2014

NOVIDADES DE FEVEREIRO DVDS II

- “ A Batalha de Waterloo”
“ A dura derrota sofrida pelos exércitos napoleónicos nas estepes russa em 1814, provoca a abdicação do controlo da Europa Ocidental e o refúgio de Napoleão Bonaparte na ilha de Elba.
Quatro meses mais tarde, Napoleão Bonaparte entra triunfante em Paris, e aclamado pelo povo, coroa-se novamente Imperador. Estabelece um novo império que durará 100 dias.
 A 18 de Junho de 1815, no comando do seu exército de 124 mil homens, Napoleão Bonaparte parte rumo a Bruxelas, com o objetivo de recuperar os seus territórios anteriormente perdidos, e que segundo o tratado de Paris deveriam voltar a quem os detinha antes de 1792. Ali o esperam numa tentativa para o impedir, as tropas Britânicas sob o comando do Duque de Wellington e do general prussiano von Blücher, num total de 196 mil homens.”

- “ O Pianista” – realizado por Roman Polansky
“ Este belo e comovente filme premiado em 2002 com a Palma de Ouro em Cannes e com três Oscares da Academia de Hollywood para melhor Realizador, Melhor Ator e Melhor Argumento Adaptado, é retirado da autobiografia do pianista polaco Wladyslaw Szpilman, que por ser judeu sofreu na pele os horrores do Holocausto nazi.
 Esta aclamada adaptação é a história dramática da luta pela sobrevivência de um homem que, conseguindo fugir do gueto da Varsóvia após a deportação de toda a sua família para os campos de concentração alemães, aprende a sobreviver em permanente fuga, sofrendo doenças, passando frio, fome e humilhações. Nesta constante luta pela vida, Szpilman conta com a ajuda de vários amigos polacos e até com a inesperada ajuda de um oficial alemão, fascinado pela sua tenacidade e capacidade de sobrevivência.
Sobrevivendo à guerra numa Varsóvia em escombros, Szpilman voltou por fim a tocar o seu amado piano, que lhe garantiu a sanidade mental e a força necessária para permanecer vivo depois de tanto sofrimento.

A realização ímpar e brilhante de Roman Polansky, e uma banda sonora onde predomina o compositor polaco Chopin, tornam este filme num documento único á capacidade do ser humano de lutar contra qualquer adversidade.”
Enviar um comentário