05/02/2014

FEVEREIRO - NOVOS LIVROS II

- “ Ciência” – João Carraça
“ Há que conseguir incutir nos mais novos o prazer de descobrir, o gosto de aprender, o gozo de imaginar. A este respeito pode a Ciência igualmente fornecer um considerável contributo, estimulado e despertando uma atitude de abertura aos outros nossos semelhantes e ao mundo. Há que motivar a todos os níveis a curiosidade – essa poderosa semente do espírito crítico que serviu de base a todo o edifício da modernidade.”

- “ Nunca me Esqueças” – Lesley Pearce
“ Naquele que seria o dia mais decisivo da sua vida, Mary – filha de humildes pescadores da Cornualha – traçou o seu destino ao roubar um chapéu.
O seu castigo: a forca.
A sua única alternativa: recomeçar a vida no outro lado do mundo.
Dividida entre o sonho de começar de novo e o terror de não sobreviver a tão dura viagem, Mary ruma à Austrália, à época uma colónia de condenados. O novo continente revela-se um enorme desafio onde tudo é desconhecido… como desconhecida é a assombrosa sensação de encontrar o grande amor da sua vida. Apaixonada, Mary vai bater-se pelos seus sonhos sem reservas ou hesitações. E a sua luta ficará para sempre inscrita na História.

- “ Dom Casmurro” – Machado de Assis
“ Não consultes dicionários. Casmurro não está aqui no sentido que eles lhe dão, mas no que lhe pôs o vulgo de homem calado e metido consigo. Dom veio por ironia, para atribuir-me fumos de fidalgo. Tudo por estar cochilando! Também não achei melhor título para a minha narração; se não tiver outro daqui até ao fim do livro, vai este mesmo. O meu poeta do trem ficará sabendo que não lhe guardo rancor. E com pequeno esforço, sendo o título seu, poderá cuidar que a obra é sua. Há livros que apenas terão isso dos seus autores; alguns nem tanto.”

- “ Caffè Amore” – Nicky Pellegrino
“ Um romance para quem gosta de histórias sensuais.” – Glamour
“ Encorpado com um ritmo italiano, este é um livro de leitura compulsiva que combina as oportunidades perdidas de O Bandolim do Capitão Corelli com os prazeres gastronómicos de Chocolate.” – Eve Magazine
“ Um romance extremamente feminino de fazer crescer água na boca. Um livro delicioso.” – Os Meus Livros

“ Um retrato não só de cenários italianos como de universo feminino, acompanhando sempre os dois universos com cheiros e sabores caraterísticos daquela zona do Mediterrâneo.” – Diário de Notícias
Enviar um comentário