13/01/2014

NOVIDADES DE JANEIRO III

- “ O Amor é difícil” – Helena Sacadura Cabral
“ A nossa maior obrigação é sermos felizes. Precisamos do amor dos outros, mas antes temos de nos amar a nós próprios.”
“ O amor é difícil porque ninguém ama sem projetar no outro uma parte de si mesmo. Como espelho, o que cada um busca no ser amado é um reflexo da sua imagem.”
“ Helena Sacadura Cabral regressa com novas histórias que nos conquistam pela sua envolvência, riqueza sentimental e proximidade. São textos escritos no seu estilo frontal, caloroso e bem-humorado, que nos conduzem por temas tão delicados quanto prementes. As diferentes faces do amor, a dor da perda, a fé, a ternura, os desejos mais íntimos, aquelas pequenas coisas que nos ajudam a ser felizes.”

- “ Um Novo Paradigma”- Para compreender o Mundo de Hoje – Alain Touraine
“ Nos primeiros séculos da sua modernização, o ocidente descreveu e pensou a realidade social em termos políticos: a desordem e a ordem; o rei e a nação; o povo e a revolução. Depois, com a Revolução Industrial, o capitalismo emancipou-se do poder político. Então passou-se e agiu-se em nome de um novo paradigma, económico e social, e falou-se de classes, riquezas, desigualdades e redistribuição.”
“ Hoje, na hora da economia global e do individualismo triunfante, a mundialização estilhaçou os antigos modelos das sociedades. Cada um de nós, presos na produção e na cultura de massas, esforça-se em escapar-lhes e em construir-se como sujeito da própria vida. O novo paradigma pelo qual damos conta destas novas preocupações, é cultural. Testemunham-no grandes interrogações da nossa época: que lugar dar às minorias? Deve a sexualidade estar no centro de tudo? Assistimos ao retorno das religiões? Os antigos paradigmas estavam voltados para a conquista do mundo, com o novo, é de nós que se trata. Enquanto tomamos consciência da decomposição de um mundo que era dirigido por homens, entramos numa sociedade de mulheres. ”

- “ O Sonâmbulo” – Robert Muchmore
“ Robert Muchamore é o escritor infantojuvenil da atualidade.” – Jornal de Notícias

“ Um avião explode em pleno voo transatlântico, causando a morte a 345 pessoas. Os investigadores suspeitam de um ato terrorista, mas não têm como prova-lo.”“ Entretanto, a polícia recebe um telefonema de um jovem de 12 anos que acusa o pai de envolvimento no acidente. Pode ser uma pista, mas as provas teimam em não aparecer e o rapaz apresenta um historial de violência e problemas emocionais.” 
Enviar um comentário