17/01/2014

JANEIRO - NOVOS LIVROS VIII

- “Trocada” Amanda Hocking
“ Com apenas seis anos, Wendy escapa à morte quase por milagre – e quem a tenta matar é a própria mãe, que está convencida de que a filha não é sua, mas antes uma intrusa, trocada à nascença no hospital. Onze anos mais tarde, a estranha adolescente, de cabelos negros revoltos, começa a suspeitar de que a mãe, se calhar, até tinha razão. Na nova escola, mais uma entre tantas, ela sente-se posta à parte por todos. Menos por Finn Holmes, um rapaz silencioso e sombrio que se limita a olhá-la fixamente – e lhe desperta sentimentos contraditórios: um medo enorme, e uma irresistível atração.
Finn é um Achador, que a procura há anos. E agora, que finalmente a encontrou, quer levá-la para casa, para o reino dos Trylle, onde Wendy vai descobrir o que sempre suspeitou – ela é mesmo diferente, e tem poderes muito mais poderosos do que alguma vez tinha imaginado …”

- “ A Tragédia da Rua do Arsenal” – Jean Pailler
“ Na Lisboa de 1908, entre a dramática situação económica e os primeiros golpes republicanos, uma perigosa conspiração política e uma paixão secreta entre o príncipe D. Luís Filipe e uma jovem brasileira, assistimos ao desmoronar da Monarquia.
Os sonhos de amor e lutas políticas acabam tragicamente na Rua do Arsenal. Anuncia-se uma nova era: com a alvorada da República, a mudança dos destinos de Portugal.”

- “ Palavras Nossas” – Coletânea de Novos Poetas Portugueses – Coordenador Miguel Almeida
“30 novos poetas portugueses dão-nos a conhecer o melhor da sua poesia, até agora desconhecida.”

- “ Um Violino na Noite” – Jojo Moyes

“ Isabel Delancey, uma mulher frágil e ainda jovem, alheada das vicissitudes do dia-a-dia, vivia para a música. O que a prendia à realidade era o amor que sentia por Laurent, o seu marido. Quando este morre num brutal acidente, Isabel vê-se obrigada a confrontar-se com a terrível situação financeira em que o marido deixou a família e a assumir o papel de mãe que sempre tinha sido desempenhado por uma ama. A Casa Espanhola, uma propriedade que herda inesperadamente, sendo uma fonte inesgotável de problemas, vai ser ao mesmo tempo um desafio à sua coragem e determinação, transformando Isabel numa mulher madura. Ali, vai encontrar uma solidariedade inesperada, um rancor visceral e o amor.”
Enviar um comentário